Pandemia

Oito atletas do Corinthians testaram positivo para o novo coronavírus

Outras cinco pessoas da comissão técnica também foram diagnosticadas com o vírus

21 de Junho de 2020 - 10h42 Corrigir A + A -

Por: Redação
web@diariopopular.com.br

Em comunicado da noite de sábado (20) a direção do Sport Club Corinthians Paulista divulgou que oito atletas do time testaram positivo para o novo coronavírus. Segundo a nota nenhum deles apresenta sintomas da Covid-19. No entanto, todos ficarão afastados das atividades do centro de treinamento por dez dias e serão submetidos a novos exames.

Outras cinco pessoas da comissão técnica e de outros departamentos do centro de treinamento também foram diagnosticadas com o vírus e seguirão o mesmo cronograma de avaliações dos atletas. Todas são assintomáticas.

O massagista Raimundo "Ceará" apresentou sintomas da doença, foi hospitalizado e apresentou melhora. Pertencente ao grupo de risco estabelecido pela Organização Mundial da Saúde, será preservado das atividades, assim como todos que têm mais de 60 anos, e receberá acompanhamento médico diário.

O time, após reuniões com a Federação Paulista de Futebol, prefeitura de São Paulo, Governo do Estado de São Paulo e clubes participantes da Série A1 do Campeonato Paulista, recebeu a liberação para retomar as atividades do Futebol Profissional seguindo medidas preventivas ao novo coronavírus e adotando o Protocolo de Retomada Gradual aos Treinos da FPF.

Dando início aos procedimentos, atletas, comissão técnica, staff e funcionários do CT Dr. Joaquim Grava realizaram exames laboratoriais quinta (18) e sexta-feira (19). Outros 19 atletas se apresentarão no CT Dr. Joaquim Grava, nesta segunda-feira (22), para a retirada de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) que se tornarão de uso pessoal no dia a dia, além de materiais de treino como uniformes e chuteiras, que serão conduzidos e higienizados pelos atletas em suas casas.

O recém-chegado atacante Jô não foi testado e passará pelo procedimento no início da próxima semana. O Departamento Médico do Clube, formado por Ivan Grava, Ana Carolina Côrte e Júlio Stancatti, desenvolveu protocolos específicos para a medicina esportiva que atendeu as expectativas e estão sendo seguidas por outros clubes brasileiros.

A partir de terça-feira (23), os atletas liberados para o trabalho começarão a bateria de avaliações físicas, testes bioquímicos e fisiológicos para o retorno as atividades.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados