Copa Seu Verardi

O primeiro passo

Contra o 12 Horas, Pelotas inicia caminhada por vaga na Série D do Campeonato Brasileiro

17 de Agosto de 2019 - 10h42 Corrigir A + A -

Por: Henrique Risse
esporte@diariopopular.com.br 

Atletas disputaram um animado rachão na sexta-feira (17). (Foto: Tales Leal/ECP)

Atletas disputaram um animado rachão na sexta-feira (17). (Foto: Tales Leal/ECP)

O Pelotas tem um objetivo claro: chegar à Série D do Campeonato Brasileiro. E o primeiro passo desta longa caminhada será dado neste sábado (17), quando o Lobão estreia na Copa Seu Verardi. O adversário será o desconhecido 12 Horas, em duelo marcado para as 15h, no estádio Cristo Rei, em São Leopoldo.

Ainda que a estreia na Copinha do segundo semestre não tenha o apelo desejado pelo torcedor, o jogo de sábado pode marcar a arrancada do Pelotas para o grande objetivo futuro do clube: voltar às competições nacionais já em 2020. A competição dará ao campeão o direito de escolher entre uma vaga na Copa do Brasil ou, como será o caso do Lobão em caso de conquista, um lugar na Série D do Campeonato Brasileiro.

"Planejamos desde o final do Gauchão. Acho que um trabalho precisa ser uma crescente, a gente não espera que no sábado a equipe tenha o melhor desempenho do mundo, não é isso que nós queremos. Acho que os atletas vão crescendo fisicamente, e aos poucos vão entendendo o mecanismo de jogo e as orientações do nosso treinador. A ideia é chegar nos mata-matas no ápice. Nos preparamos adequadamente. O tempo foi curto, mas temos certeza que vamos crescer durante a competição e vamos atingir o objetivo. A gente entra na competição para conquistar a vaga e a partir de sábado a gente começa esse desafio", destacou o diretor executivo de futebol, Álvaro Prange.

Dentro de campo, o técnico Felipe Endres faz mistério para enfrentar o 12 Horas. Tanto na quinta (15) quanto na sexta-feira (16), o comandante fechou os portões do estádio da Boca do Lobo para comandar os treinos que definiram a equipe. Neles, Felipe testou novamente as duas formações com as quais pretende trabalhar durante o segundo semestre.

A principal delas é escalar o time no esquema 4-3-3. Nesta formação, Matheus Santana aparece como lateral esquerdo, com Garraty atuando como atacante pelo lado direito. A outra alternativa é ter Busanello na lateral esquerda. Com isso, o Pelotas jogaria no 4-4-2 com um losango no meio-campo, formado por Vacaria, Matheus Santana, Jean Malheiros e Wallacer.

Após perder alguns treinamentos durante a semana devido a um problema muscular, o zagueiro Thiago Costa trabalhou normalmente nos últimos dias e deve estar em campo. Caso o capitão não tenha condições de entrar em campo, o jovem Douglas será o companheiro de Negretti em São Leopoldo.

Ficha técnica:
12 Horas - Léo; Thiago, Matheus, Donça e Lucas Bicca; João, Jajá, Wesley e Nonô; Aly e Wendrio. Técnico: Marcos Vinícius de Oliveira.
Pelotas - Mateus Claus; Vinicius Machado, Thiago Costa, Negretti e Matheus Santana; Vacaria, Jean Malheiros, Garraty (Busanello) e Wallacer; Jô e Giovane Gomez. Técnico: Felipe Endres.
Árbitro: Marcelo Neto.
Quando: às 15h deste sábado.
Local: estádio Cristo Rei, em São Leopoldo.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados