Xavante

Negociação travada

Empresário do técnico Bolívar ainda aguarda retorno da direção rubro-negra

02 de Dezembro de 2019 - 07h59 Corrigir A + A -

Por: Henrique Risse
esporte@diariopopular.com.br 

Bolívar segue aguardando contato da direção rubro-negra

Bolívar segue aguardando contato da direção rubro-negra

A renovação do técnico Bolívar, antes tida como uma certeza, parece estar longe de um desfecho. Se em um primeiro momento a diretoria do Grêmio Esportivo Brasil falou abertamente no desejo de dar continuidade ao trabalho do treinador, agora a história é diferente. Com os dirigentes evitando cravar a permanência, a possibilidade de um novo profissional surgir no Bento Freitas ganhou força nos últimos dias.

Com a Série B do Campeonato Brasileiro ainda em andamento, tanto a diretoria rubro-negra quanto o próprio Bolívar manifestaram publicamente o interesse de estender a vínculo para a próxima temporada. As partes tinham a intenção de fazer uma reunião na última quinta-feira (28), mas tiveram apenas uma conversa rápida e sequer falaram sobre renovação. O treinador seguiu viagem e as negociações seriam feitas entre o diretor executivo do Xavante, Edu Pesce, e o empresário de Bolívar, Rodrigo Bottin.

De acordo com Bottin, o staff do treinador aguarda um retorno do clube para sacramentar a permanência. "Não estipulei um prazo para resposta do clube porque não gosto de trabalhar com pressão de nenhum dos lados, não é meu perfil. Mas quando chegar no limite do prazo que julgarmos necessário e não tiver acordo com o Brasil, vou comunicar a diretoria e abrir negociação com outros clubes que nos procuraram", disse. Rodrigo afirma ter recebido algumas sondagens pelo técnico, tanto de clubes da Série B quanto da Série A do Campeonato Brasileiro.

O melhor goleiro
Com o final da Série B, o portal globoesporte.com divulgou a seleção da competição com base nas estatísticas. E os números apontaram Carlos Eduardo como o melhor goleiro da Segunda Divisão nacional. O camisa 1 disputou 37 das 38 partidas do Brasil e praticou 37 defesas difíceis, além de 81 consideradas comuns.

Derrota na base
O Brasil encerrou a temporada com um vice-campeonato nas categorias de base. Na tarde de domingo (1º), no estádio Aldo Gonçalves Porto, em Soledade, a equipe rubro-negra foi derrotada por 1 a 0 pelo Soledade, na final da Copa Sub-19 da Federação Gaúcha de Futebol.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados