Bola pesada

Malgi vence ACBF e vai à final do Gauchão Feminino de Futsal

Placar de 4 a 1, na Serra, garantiu time pelotense na decisão contra a Celemaster, de Uruguaiana

22 de Novembro de 2021 - 16h12 Corrigir A + A -
Dois gols contra das mandantes colocaram as pelotenses em vantagem no primeiro tempo (Foto: Fernanda Woziak)

Dois gols contra das mandantes colocaram as pelotenses em vantagem no primeiro tempo (Foto: Fernanda Woziak)

Neste sábado (20), a Malgi foi até Carlos Barbosa disputar a partida de volta da semifinal do Gauchão Sicoob de Futsal Feminino, contra a ACBF, e venceu por 4 a 1, garantindo um lugar na decisão da competição, diante da Celemaster, de Uruguaiana. O duelo de ida será no próximo sábado (27), em Pelotas.

A partida começou muito estudada e disputada, até que Karina roubou a bola, fez boa jogada individual e contou com desviou contra para abrir o placar em favor das pelotenses: 1 a 0. A partir daí, o time do técnico Maurício Giusti assumiu o controle do jogo, marcando muito forte e sabendo o que fazer com a bola no pé. No fim do primeiro tempo, após jogada ensaiada a camisa 10 Larissa bateu cruzado e aumentou o placar: 2 a 0.

O segundo tempo seguiu com a mesma tônica: Malgi marcando muito bem e a equipe da casa não conseguindo levar perigo ao gol da goleira do time de Pelotas. Na metade da etapa final, Dudinha limpou duas adversárias e botou no ângulo: 3 a 0. Tentando reverter o placar adverso, a ACBF tentou usar a goleira-linha, mas de nada adiantou. Quando restava pouco tempo para acabar o jogo, a goleira Dani Richter aumentou o placar para 4 a 0 em favor da Malgi. Nos segundos finais a ACBF descontou, dando números finais ao confronto.

"Desfrutar da final"

Perguntada sobre o jogo, a capitã Larissa Dantas falou: "semifinal é guerra, o jogo foi tenso assim como esperávamos que seria, nuito truncado, aguerrido. Nosso time sabia que teria que marcar demais dentro da nossa proposta. Matamos o jogo nas chances que tivemos, além disso tivemos uma penalidade que os árbitros marcaram e depois voltaram atrás. Tive a oportunidade de marcar o segundo gol que deu uma tranquilidade para nossa equipe. Nosso objetivo principal, que era reativar a Malgi, foi cumprido com sucesso, agora é desfrutar da final".


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados