Copa Seu Verardi

Largada com a bola

Logo na apresentação, Felipe Endres faz trabalho técnico visando apresentar os atletas ao modelo que quer ver na Boca do Lobo

17 de Julho de 2019 - 20h14 Corrigir A + A -

Por: Vinícius Guerreiro
vinicius.guerreiro@diariopopular.com.br

Atividade com bola predominou no primeiro treino do Lobo (foto: Tales Leal - AI Pelotas)

Atividade com bola predominou no primeiro treino do Lobo (foto: Tales Leal - AI Pelotas)

Endres aplicou uma atividade que visa valorizar a bola através dos passes rápidos e dos apoios (foto: Carlos Queiroz-DP)

Endres aplicou uma atividade que visa valorizar a bola através dos passes rápidos e dos apoios (foto: Carlos Queiroz-DP)

Nada das rotineiras apresentações de elenco com apenas conversas ou treinos leves diante do torcedor. O primeiro dia de preparação do Pelotas para a Copa Seu Verardi foi de treinamento objetivo. Na primeira atividade, o técnico Felipe Endres apresentou aos 12 contratados de linha mais um "jovem" que passa por testes: o modelo de jogo que quer ver na Boca do Lobo nos próximos meses - ele busca um time que queira a bola. Outro fator para largar com intensidade é o pouco tempo de preparação até a estreia, que deverá ocorrer no dia 11 de agosto.

"É dessa forma que eu acredito e penso futebol. Acredito que a gente tem que sempre trabalhar pensando o jogo e vivenciando o jogo. Praticamente todos os treinos a bola estará presente de uma maneira mais tática. E temos de entender que a estreia é dia 11 e todo o tempo que pudermos utilizar a bola é importante", afirmou Endres.

O trato da bola será o pilar do modelo de jogo do áureo-cerúleo. Esse é, na teoria, objetivo da comissão técnica para a equipe que disputará a Copinha. No primeiro treino, Endres marcou no campo quatro retângulos. Dividiu os jogadores em dois times de cinco e dois atletas ficavam fora do retângulo como apoio. Após um tempo, corriam para outro retângulo. O objetivo eram toques rápidos, movimentação e encontrar apoio para os passes.

"A gente tentou passar um pouco daquilo que a gente busca e um pouco da maneira que a gente trabalha. Como eu falei antes, de ser ambicioso, de querer ter a bola. Buscamos colocar isso desde um primeiro momento e um primeiro contato", revelou o treinador.

Apresentação
Diante dos torcedores, 14 atletas participaram do primeiro treino. Os goleiros Mateus Claus e Vinícius Parise trabalharam pela primeira vez com o preparador de goleiros Everson Ricardo, contratado para substituir Daniel Crizel. "Foi um primeiro contato. Trabalhei muitos anos com o Daniel, no Pelotas. O primeiro trabalho foi muito agradável e o Everson pode colocar algumas coisas que ele gosta", contou Claus.

Em relação aos atletas de linha, foram 12 que participaram do treinamento: os zagueiros Negretti, Luís Felipe, Vinícius Machado e Douglas Zielke; os volantes Vacaria e Thiago Costa. Os meias Wallacer e Jean Malheiros e os atacantes Jô, Giovane Gomez, Garraty e Wesley. Dos atletas com contrato não se apresentaram Busanello, Juninho, Tatá e Juliano Tatto. O primeiro está defendendo o Juventus de Santa Catarina e só chegará em agosto. Jean Roberto e Andrei, também contratados, ainda não foram anunciados.

De Bona, um jovem que chegou com Wallacer e Vacaria, participou da atividade e fará alguns treinamentos de testes na Avenida.

Reforço
O volante Mateus Santana, 27 anos, será emprestado pelo Juventude ao Pelotas até o final da Copa Seu Verardi. O jogador atuou sete vezes no Gauchão e acabou perdendo espaço na Série C do Brasileiro. Santana pode atuar tanto como primeiro volante, quanto como segundo.

 

 

 


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados