Libertadores

Jogo da vida

Grêmio visita o líder Libertad em duelo fundamental pela sobrevivência na Libertadores

23 de Abril de 2019 - 12h10 Corrigir A + A -

Por: Henrique Risse
esporte@diariopopular.com.br 

Matheus Henrique será titular novamente. (Foto: Lucas Uebel - Grêmio)

Matheus Henrique será titular novamente. (Foto: Lucas Uebel - Grêmio)

A vitória sobre o Rosário Central, no último dia 10, colocou o Grêmio de volta na briga por uma vaga nas oitavas de final da Copa Libertadores da América. Contudo, se quiser depender apenas das suas forças no Grupo H, o Tricolor vai precisar vencer o Libertad no duelo da noite desta terça-feira (23), no Defensores Del Chaco, em Assunção, no Paraguai. A bola rola às 19h15min.

A tarefa da equipe do técnico Renato Portaluppi não é nada fácil. O Libertad é o líder da chave com 12 pontos e já está garantido nos mata-matas da competição continental. O Grêmio, por sua vez, é apenas o terceiro colocado com quatro pontos. Se vencer, o time gaúcho vai para a última rodada precisando de uma vitória simples sobre os chilenos da Universidad Católica na Arena. Uma derrota, no entanto, pode significar a eliminação precoce caso a Católica vença o Rosario na quarta-feira (24), na Argentina.

"Todo mundo está ansioso para esse jogo, principalmente o torcedor. Mas acho que dentro de campo são 11 contra 11, temos de entrar concentrados ao máximo, esquecer o extracampo, para que a gente possa fazer um belo jogo e buscar um resultado para que a gente possa depender só da gente", explicou o meia Jean Pyerre, em entrevista concedida após o treinamento de segunda-feira (22).

Renato Portaluppi não confirmou oficialmente a equipe que vai iniciar a partida no Paraguai, entretanto, a tendência é da repetição do time, que atuou nos dois jogos da final do Campeonato Gaúcho. Reintegrado ao grupo desde a semana passada, Luan deve ficar no banco de reservas mais uma vez.

O volante Matheus Henrique, que ganhou a posição de titular nos últimos jogos, lembrou da derrota para o Libertad na Arena, mas deixou que o Grêmio tem condições de sair do Paraguai com mais três pontos na classificação. "Eles ganharam lá dentro da Arena, foi um jogo atípico, em que a gente sabe que ficou devendo. Mas temos totais condições de chegar aqui, fora de casa, no campo deles, e mostrar a nossa força também. O Renato já passou tudo sobre a equipe deles e amanhã a gente tem tudo para sair com a vitória", analisou.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados