Série B

Itaqui afirma que falta muito pouco

Lateral esquerdo formado nas categorias de base do Grêmio, com passagens por Juventude, Caxias e São Bento, deve jogar no Brasil

05 de Abril de 2017 - 21h04 Corrigir A + A -

Por: Sérgio Cabral
cabral@diariopopular.com.br 

O lateral direito Itaqui, em imagem de arquivo, quando acertou com o Juventude, para o Gauchão do ano passado; atleta que também joga como volante jogou a Série C 2016 pelo Boa Esporte e está no São Bento, de Sorocaba (Foto: Divulgação - DP)

O lateral direito Itaqui, em imagem de arquivo, quando acertou com o Juventude, para o Gauchão do ano passado; atleta que também joga como volante jogou a Série C 2016 pelo Boa Esporte e está no São Bento, de Sorocaba (Foto: Divulgação - DP)

Odacir Pereira da Silva, 29 anos, o Itaqui, deve ser o novo reforço do Xavante para a disputa do Campeonato Brasileiro da Série B. O atleta fez formação na base do Grêmio e estava atuando no São Bento, de Sorocaba (SP) e tem passagens por vários clubes do Estado. A primeira sondagem do Rubro-negro ocorreu antes de começar o Gauchão. O negócio não fechou porque o jogador, que atua como ala e também como volante já tinha acertado compromisso com a equipe paulista.

O jogador confirmou a negociação com o Brasil e deu alguns detalhes. “Minha expectativa é muito boa em acertar com o Brasil. Já conversamos e faltam poucos detalhes. Sei muito bem o que significa jogar no Brasil, a responsabilidade e a força da sua torcida. Ainda mais agora com o crescimento do Xavante nos últimos anos. Tomara que dê tudo certo”, disse Itaqui.

“Em outra oportunidade quase acertamos, mas eu já tinha dado a minha palavra a outro clube. Agora, tudo bem encaminhado e espero acertar todos os detalhes nos próximos dias - não acertei ainda”, destacou.

Itaqui é bem conhecido, profissional de boa qualidade, possui chute forte de longa distância. Ala é a sua posição inicial, mas estava jogando como segundo volante. No ano passado ele jogou pelo Juventude, no Gauchão, e no Boa Esporte a Série C do Brasileiro. Também passou por Caxias e Veranópolis. “Joguei no Caxias e no Juventude, e sei bem como é importante jogar no futebol gaúcho. Estou preparado para voltar e quero jogar no Brasil. Faltam poucos detalhes e em breve encerro meu contrato com o São Bento”, afirmou.

Trabalhos e renovações
Mais dois jogadores estão confirmados até o final da temporada 2017 no estádio Bento Freitas. Os atacantes Juninho e Marcinho renovaram os seus contratos e irão disputar a Série B do Campeonato Brasileiro. Agora, o treinador Rogério Zimmermann já conta com 15 profissionais.

Outros esperam
Ainda faltam negociar as suas permanências ou saídas do clube Rodrigo Silva, Tiago Silva, Jean Silva, Anderson, Teco, Cirilo, Wender, Gustavo Papa, Evaldo e Rennan Oliveira.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados