Gauchão 2019

Gre-Nal sem gols

Em jogo equilibrado, Inter e Grêmio ficam no 0 a 0 no Beira-Rio; decisão do título acontece na quarta-feira, às 21h30min, na Arena

14 de Abril de 2019 - 19h10 Corrigir A + A -
Clássico foi bastante brigado na casa colorada

Clássico foi bastante brigado na casa colorada

No Beira-Rio, Internacional e Grêmio entraram em campo pela partida de ida da grande final do Campeonato Gaúcho. O clássico 419 terminou no empate sem gols, deixando a decisão do título estadual para a próxima quarta-feira, às 21h30, na Arena.

Como a maioria dos clássicos, os torcedores assistiram a uma partida tensa. Os minutos iniciais já começaram com lances polêmicos. Aos 2 minutos, Edenílson recebeu dentro da área e caiu quando dividiu com Cortez. Apesar dos colorados pedirem pênalti, a arbitragem não assinalou nada.

Já o Grêmio teve uma chance em falta cobrada da intermediária, pela esquerda. A bola foi colocada na área, mas a defesa colorada afastou. O Inter ameaçou com uma boa jogada tramada pelo meio. No lance, a zaga gremista cortou, mas a sobra chegou a Nico, que mandou à direita da meta defendida por Paulo Victor.

Aos 8 minutos, Everton fez uma jogada individual pela esquerda, quase na linha de fundo, mas foi barrado por Zeca, que cometeu falta sobre o atacante. Na cobrança, Jean Pyerre colocou na boca do gol, Kannemann desviou de cabeça, mas para a bola se perdeu pela linha de fundo.

O Inter respondeu com um cruzamento de D'Alessandro na cabeça de Iago, que dividiu com Alisson e conseguiu escanteio, aos 10 minutos. Três minutos depois, os colorados chegaram novamente com Nico Lopez, invadindo a área. Ele parou em Geromel.

O Tricolor chegou aos 15 minutos com Cortez pela esquerda, que foi a linha de fundo e cruzou na pequena área, mas ninguém alcançou. Aos 20, mais uma tentativa pela esquerda. Bruno Cortez foi novamente acionado e tentou o cruzamento pelo alto. No minuto seguinte, Alisson recebeu no meio e arriscou de longe, mandando uma bomba. A bola explodiu na trave e saiu, levando os gremistas ao delírio.

Aos 31 minutos, o Inter teve a melhor chance em jogada de Patrick, que invadiu a área pela esquerda e cruzou. Guerrero tentou a finalização e Paulo Victor conseguiu fazer uma boa defesa, impedindo o gol colorado. Aos 40, Jean Pyerre cobrou uma falta da intermediária, mas mandou com muita força.

Segundo Tempo

Trocando passes, logo aos 2 minutos, o Grêmio trabalhou pela direita. No lance, Leonardo Gomes tentou fazer o cruzamento, mas Cuesta tirou de cabeça. O Inter respondeu pelo meio e tentou a finalização, mas Geromel estava bem posicionado e cortou o chute de Nico.

Aos 7 minutos, os donos da casa tiveram uma boa oportunidade em falta da intermediária. Na cobrança, D'Alessandro mandou em cima da barreira. O Grêmio tentou novamente aos 14, com Everton em jogada individual pelo meio, mas o atacante acabou deixando para Cortez e a bola correu demais. Em seguida, Maicon abriu espaço e chutou forte, mas sobre a meta de Marcelo Lomba.

O Inter buscou atacar com um cruzamento da direita. D'Alessandro colocou no segundo poste, mas a bola se perdeu a linha de fundo, aos 18 minutos. Da direita para a esquerda, o Grêmio tramou boa jogada. Jean Pyerre recebeu o último passe, deslocou a marcação e chutou cruzado, mas a bola saiu à esquerda de Lomba. Um minuto depois, Everton se lançou em contra-ataque pela esquerda, fez boa jogada individual e finalizou, mas o goleiro colorado conseguiu a defesa.

O jogo estava mesmo muito disputado no setor de meio-campo, com alternância de ataques. Aos 29 minutos, o Inter ameaçou com Guerrero. O atacante deu um passe para Nico, que recebeu e mandou uma bomba e obrigou Paulo Victor a uma grande defesa.

Com 34 minutos, os colorados chegaram por duas vezes. Primeiro, Nico mandou uma bomba para a defesa parcial de Paulo Victor. No rebote, Guerrero ainda tentou mandar a gol, para mais uma intervenção decisiva do goleiro gremista. Foi a última chance clara de gol do Gre-Nal que terminou em 0 a 0.

Ficha Técnica

Internacional - Marcelo Lomba; Zeca, Rodrigo Moledo, Víctor Cuesta e Iago; Rithely (Rodrigo Lindoso), Edenilson e Patrick; D'Alessandro (Guilherme Parede), Nico López e Paolo Guerrero (Rafael Sobis). Técnico: Odair Hellmann

Grêmio - Paulo Victor; Leonardo, Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Maicon (Michel), Matheus Henrique, Alisson (Diego Tardelli), Jean Pyerre e Everton; André (Pepê). Técnico: Renato Gaúcho

Árbitro: Leandro Vuaden

Local: Beira-Rio

Grêmio (0): Paulo Victor; Leonardo, Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Maicon (Michel), Matheus Henrique, Alisson (Diego Tardelli), Jean Pyerre e Everton; André (Pepê). Técnico: Renato Gaúcho
Local: Beira-Rio
Arbitragem: Leandro Vuaden, auxiliado por Elio Nepomuceno Júnior e José Eduardo Calza


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados