Mundial de Clubes

Firmino coloca o Liverpool na final

Centroavante brasileiro sai do banco para fazer o gol da vitória de 2 a 1 sobre o Monterrey

18 de Dezembro de 2019 - 17h22 Corrigir A + A -
Roberto Firmino decretou a vitória dos ingleses. (Foto: Divulgação - DP)

Roberto Firmino decretou a vitória dos ingleses. (Foto: Divulgação - DP)

Com uma equipe repleta de reservas, o Liverpool derrotou o Monterrey por 2 a 1 e se classificou para a final do Mundial de Clubes da Fifa, na qual enfrenta o Flamengo no próximo sábado (21), a partir das 14h30min (de Brasília). No jogo disputado nesta quarta-feira (18) no estádio Khalifa, na cidade de Doha, no Catar, o técnico alemão Jürgen Klopp optou por iniciar a partida com apenas três titulares habituais, o goleiro brasileiro Alisson, o lateral escocês Robertson e o atacante egípcio Salah.

Sem contar com os atacantes Firmino e Mané, a equipe inglesa não conseguiu imprimir no primeiro tempo a forte pressão pela qual se destaca. O que se via era um jogo mais aberto, com chances de lado a lado. Porém, aos 11 minutos o campeão europeu conseguiu abrir o marcador. Salah deu um passe em profundidade para o francês Keita, que bateu na saída do goleiro Barovero. Contudo, dois minutos depois o time mexicano chegou ao empate. Alisson fez grande defesa, mas Funes Mori pegou a sobra e deixou tudo igual.

Logo no início da etapa final quem brilhou foi o goleiro Alisson. Aos 4 minutos ele impediu gol certo de Pabón em cobrança de falta com uma bela defesa. Já aos 12 foi a equipe inglesa que chegou com perigo. Keita deixou dois adversários para trás e chutou forte. Mas o goleiro do Monterrey fez a defesa. Depois do time mexicano perder mais uma ótima oportunidade, outra vez com Pabón, o técnico Jürgen Klopp começou a colocar seus titulares em campo.

O primeiro a entrar em campo foi Mané e pouco depois foi a vez do lateral direito Alexander-Arnold sair do banco de reservas. O último e mais importante foi Roberto Firmino. E foi dos pés deles que saiu o gol da vitória do Liverpool, já aos 45 minutos da etapa final. Salah fez boa jogada pela direita e tocou para Alexander-Arnold. O lateral cruzou rasteiro, na medida para Firmino apenas escorar para o fundo das redes do gol defendido por Barovero.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados