Competição

Duelo sob mistérios

Inter, podendo ter retorno de Edenílson, encara o Flamengo, que perdeu Gabigol, pelas quartas da Libertadores

21 de Agosto de 2019 - 15h20 Corrigir A + A -
Favorito. Nonato pode ganhar chance como titular no Rio.

Favorito. Nonato pode ganhar chance como titular no Rio.

Inter e Flamengo não devem ter força máxima no Maracanã, às 21h30min, em confronto pelas quartas de final da Libertadores da América. Quem pode quebrar essa tendência é o Colorado. Titular indiscutível, Edenílson, que teve uma lesão muscular há duas semanas, foi a surpresa da delegação que viajou para o Rio de Janeiro. Do lado rubro-negro, o técnico Jorge Jesus perdeu o principal atleta para o confronto. Gabigol teve uma lesão muscular e nem foi relacionado para a partida.

Na manhã de terça, o técnico Odair Hellmann comandou o último treinamento da equipe antes de viajar. Assim como aconteceu no dia anterior, os portões do estádio Beira-Rio foram fechados para a imprensa e o treinador optou pela privacidade para realizar os últimos ajustes antes do confronto decisivo. A escalação para o duelo será divulgada somente minutos antes da bola rolar no Maracanã.

Antes do treino, o zagueiro Victor Cuesta concedeu entrevista coletiva na sala de imprensa do CT Parque Gigante. A dupla de zaga do Colorado, formada pelo argentino e por Rodrigo Moledo, não sofre gols há cinco jogos. O defensor falou sobre esse momento e a importância do duelo de hoje. “Vamos tentar fazer um grande jogo e vencer o Flamengo, sempre os respeitando. O estádio estará cheio, jogo difícil, mas temos que fazer o que a gente vem fazendo nessa Libertadores, porque estamos no caminho certo”, afirmou.

Rubro-negro
Se por um lado Gabigol é desfalque, por outro o Flamengo volta a ter à disposição Rodrigo Caio e Vitinho, que voltam de lesão. O zagueiro vinha de duas lesões na coxa, enquanto o atacante passou por uma artroscopia no joelho. Caio briga por posição com Thuler. Já Vitinho é alternativa para substituir Gabigol. Éverton Ribeiro também briga por vaga.

Ficha técnica:

Flamengo: Diego Alves, Rafinha, Rodrigo Caio, Pablo Marí, Filipe Luís, William Arão, Cuellar, Gerson, Everton Ribeiro, Arrascaeta e Bruno Henrique. Técnico:  Jorge Jesus

Inter: Marcelo Lomba, Bruno, Rodrigo Moledo, Victor Cuesta, Uendel, Rodrigo Lindoso, Nonato, Patrick, D’Alessandro, Sobis e Guerrero. Técnico: Odair Hellmann


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados