Série D

De olho na liderança

Vice-líder do Grupo 8, Pelotas visita o Tubarão na última rodada do primeiro turno

18 de Outubro de 2020 - 10h01 Corrigir A + A -

Por: Henrique Risse
esporte@diariopopular.com.br 

Juliano é uma das armas do Lobão. (Foto: Tales Leal/ECP)

Juliano é uma das armas do Lobão. (Foto: Tales Leal/ECP)

Encerrar o primeiro turno na liderança. Este é o objetivo do Esporte Clube Pelotas neste domingo (18), quando enfrenta o Tubarão, em Santa Catarina, pela 7ª rodada da primeira fase da Série D do Campeonato Brasileiro. A bola rola a partir das 16h.

Com duas vitórias e um empate nas últimas três partidas, o Lobão entrou forte na briga por uma vaga na segunda etapa da competição nacional. Com a vitória por 3 a 1 sobre o São Caetano, na última quinta-feira (15), a equipe do técnico Ricardo Colbachini assumiu a vice-liderança do Grupo 8 com 10 pontos. Para alcançar o topo da tabela, basta vencer o Tubarão - penúltimo colocado com apenas três pontos - e torcer por um empate no duelo entre Novorizontino (líder com 11) e Caxias (3º colocado com 10).

"O campeonato é muito difícil, a gente sabe que tem muitas equipes boas, equipes qualificadas. Vai ser jogo a jogo, é uma luta muito grande. Hoje estamos na segunda colocação, mas sabemos que se a gente descuidar logo podemos ficar fora do G-4, o campeonato é muito nivelado. Então a gente precisa estar com o nível de atenção muito alto, com o nível de concentração lá em cima, para que a gente foque no jogo de domingo e consiga voltar de Tubarão com uma vitória", comentou Colbachini.

Em Tubarão, o comandante deve repetir a mesma formação que iniciou a partida contra o Azulão. Novidades no treino desta sexta-feira, o meio-campista Maylson e o atacante Milla não viajaram para Santa Catarina. A dupla deve ficar à disposição de Ricardo Colbachini para o confronto da próxima semana, contra o mesmo Tubarão, na Boca do Lobo.

Confiança no artilheiro
Autor de dois gols contra o São Caetano, o centroavante Marcão finalmente desencantou com a camisa áureo-cerúlea. Para o técnico Ricardo Colbachini, o momento é de potencializar ainda mais a principal arma ofensiva da equipe.

"Acho que a bola chegou um pouco mais, a gente ainda pode acabar melhor as jogadas, pode terminar melhor as situações de cruzamentos e passes para gol. Mas o Marcão teve um rendimento excelente, os atacantes fizeram um bom jogo, a chegada dos homens que vem de trás também foi importante. A atuação do Marcão foi boa, fez dois gols, e a gente espera que ele consiga manter esse desempenho na sequência dos jogos", analisou.

Ficha técnica:
Tubarão - Rodrigo; Carlos Eduardo, Gutierrez, Vinícius Kuerten e Anderson (Cássio); Eduardo Meurer, Vico e Alex Nemetz; Gleydson, Aslen e Kendy. Técnico: Isaque Pereira.
Pelotas - Renan; Marcelo, Fábio Alemão, Mateus Santana e Gabiga; Moisés, Itaqui e Ramires; Bruninho, Juliano e Marcão. Técnico: Ricardo Colbachini,
Árbitro: Leonardo Zanon.
Quando: às 16h deste domingo.
Local: estádio Domingos Gonzales, em Tubarão-SC.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados