Pré-temporada

Chance aproveitada

Autor de dois gols, Juninho Rocha é o destaque do Brasil em vitória sobre o Riograndense no Bento Freitas

16 de Janeiro de 2020 - 19h03 Corrigir A + A -

Por: Henrique Risse
esporte@diariopopular.com.br 

Juninho marcou dois gols no teste. (Foto: Carlos Queiroz - DP)

Juninho marcou dois gols no teste. (Foto: Carlos Queiroz - DP)

Na tarde desta quinta-feira (16), os atletas que atuaram apenas por alguns minutos contra o São José, na quarta-feira, foram a campo para disputar um jogo-treino contra o Riograndense, de Rio Grande. E quem melhor aproveitou a oportunidade foi o meia-atacante Juninho Rocha, que marcou duas vezes na vitória por 3 a 0 no estádio Bento Freitas.

"Para mim que estou vindo de férias, há um tempo sem jogar, é muito importante. Por mais que seja um jogo-treino, fazer bons jogos, fazer gols, aumenta a minha confiança. Devagar vou me soltando e me sentindo cada vez melhor", analisou o artilheiro da tarde, em entrevista coletiva concedida logo após a partida.

No último teste antes da estreia no Campeonato Gaúcho - marcada para o dia 23 contra o Aimoré, em São Leopoldo - o técnico Gustavo Papa escalou a equipe com Matheus Nogueira; Jacone, Leandro Camilo, Luís Felipe e Bruno Santos; Hippolito, Revson, Maicon Assis, Cristian e Juninho Rocha; Eliel Cruz. O comandante também deu chance para os goleiros Rafael Martins e Marcelo, os meias Octávio, Pedro e Kleber, e o atacante Winicius.

O Riograndense, que se prepara para disputar o Campeonato Citadino de Rio Grande, conseguiu fazer frente nos primeiros minutos. Mas a partir do minuto 20 começou a festa de Juninho Rocha. Em escanteio cobrado pelo lado direito, mesmo local de onde saíram os dois gols sobre o Zequinha, Revson colocou na área e a bola sobrou limpa para Juninho apenas completar para o gol vazio. Pouco depois, ele aproveitou o erro na saída de bola do Guri Teimoso e acertou um chutaço no travessão.

Já aos sete minutos da segunda etapa, Bruno Santos cruzou da esquerda e Juninho Rocha quase ampliou. No minuto seguinte, Juninho fez boa jogada individual na grande área e acabou sofrendo pênalti. Ele mesmo bateu e fez o 2 a 0 na Baixada.

Outro que aproveitou os minutos em campo foi o centroavante Eliel Cruz. Aos 20 minutos ele teve uma boa chance após bate e rebate na grande área, mas finalizou por cima da meta. Mas a oportunidade seguinte ele não desperdiçou. Bruno Santos passou fácil pelo marcador e rolou para o camisa 9 concluir e dar números finais ao jogo-treino.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados