Gauchão 2020

Atacante na área

Com a fase de testes encerrada e preocupação com o setor, Pelotas encaminha contratação de um novo camisa 9 para o Gauchão

12 de Janeiro de 2020 - 20h00 Corrigir A + A -
Jean Roberto vem sendo improvisado na função  (Foto: Carlos Queiroz - DP)

Jean Roberto vem sendo improvisado na função (Foto: Carlos Queiroz - DP)

"Estou preocupado com alguns setores". Esta foi uma das frases ditas pelo técnico Picoli após a derrota por 1 a 0 para o Esportivo na última quinta-feira, em amistoso realizado na Boca do Lobo. Do ponto de vista genérico, ela pode significar uma preocupação natural com os ajustes a serem feitos na equipe, mas também é possível que ela transmita algo em especial: a figura do camisa 9. Com a informação de uma negociação em andamento entre o Pelotas e um centroavante, esta hipótese ganha força.

Depois de três testes realizados na pré-temporada, muitas dúvidas pairam sobre a formatação da equipe que irá inaugurar o calendário oficial de 2020 diante do Grêmio no próximo domingo, quando o Lobo buscará o título da Recopa Gaúcha em casa. Em reportagem veiculada neste final de semana, o Diário Popular mostrou os principais movimentos realizados pelo clube até aqui durante os jogos. Em todos eles, a figura do homem mais avançado no ataque gera pontos de interrogação.

São dois os aspectos que preocupam a comissão técnica e a direção. Hoje, Jean Roberto e Hugo Almeida são os atletas à disposição de Picoli para o setor. O primeiro não é atacante de origem, mas sim meio-campista, estando improvisado na função. O segundo é cercado de desconfiança por conta da questão física. Hugo Almeida, inclusive, recebe atenção especial desde que chegou à Boca do Lobo com trabalhos para prevenir possíveis lesões depois de um amplo e detalhado levantamento do departamento médico. Sua condição ainda está abaixo dos demais.

Quando esteve em campo, Jean Roberto teve dificuldades para receber a bola jogando de costas para a marcação. A ideia de Picoli com o 4-2-3-1 e Juliano centralizado no meio-campo, tem a ver com a movimentação realizada por Jean Roberto, na tentativa de criar um espaço interessante para infiltrações por dentro. Mas as apresentações não teriam atingido às expectativas, principalmente no último teste.

Ainda sem estar na condição física ideal, Hugo Almeida se transformou na segunda opção. Em uma das entrevistas coletivas, Picoli deixou claro que sua preferência inicial era por Jean Roberto, tendo em vista a saída de Giovane Gomez para o Remo. Mas não existem certezas por parte da comissão técnica que agora olha com ainda mais atenção para a posição.

Às vésperas da disputa de um título e da rodada inaugural do perigoso Campeonato Gaúcho, arriscar não é considerada a tônica ideal dentro da Boca do Lobo. Nos bastidores, o departamento de futebol trabalha para anunciar um jogador que "chegue e jogue". A contratação de um novo centroavante virou uma necessidade depois dos desdobramentos que a derrota por 1 a 0 para o Esportivo causou internamente na Avenida.

A expectativa da direção é fazer o anúncio até amanhã para dar tempo da comissão técnica testar o novo atacante nos treinamentos da semana que antecede a disputa do título da Recopa diante do Grêmio.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados