Gauchão 2019

"A bola vai entrar"

Volante Reinaldo Dutra aposta em fim da má fase ofensiva do Pelotas

15 de Fevereiro de 2019 - 11h30 Corrigir A + A -

Por: Henrique Risse
esporte@diariopopular.com.br 

 (Foto: Tales Leal/ECP)

(Foto: Tales Leal/ECP)

Das seis partidas que o Pelotas fez até aqui no Campeonato Gaúcho, quatro delas foram como mandante (três na Boca do Lobo e uma no Aldo Dapuzzo). E nesses mais de 360 minutos de jogos em casa a equipe áureo-cerúlea marcou apenas um gol. Gol este que foi creditado ao zagueiro Felipe Chaves, mas na verdade foi o defensor do São José que anotou contra a própria meta. Nesta segunda-feira (18), diante do Aimoré, o Lobão terá mais uma oportunidade para pôr fim à má fase ofensiva da equipe jogando em casa.

"A gente vem criando, infelizmente a bola não está entrando. Então é procurar achar o companheiro melhor colocado para fazer o gol e caprichar um pouco mais na finalização. Tenho certeza que no próximo jogo a gente vai estar preparado e a bola vai entrar", analisou o volante Reinaldo Dutra, em entrevista coletiva concedida na tarde desta quinta-feira (14) na sala de imprensa do clube.

O meio-campista é uma das principais armas ofensivas da equipe do técnico Diego Gavilán. Foi dele o gol do Pelotas no empate por 1 a 1 com o Avenida, em Santa Cruz do Sul, em chute de fora da área. Essa chegada na frente é uma característica que Reinaldo sempre apresentou nos clubes por onde passou, mas que vem ficando em segundo plano neste Campeonato Gaúcho.

"Essa função que eu estou fazendo no Gauchão tem que recompor bastante, então eu acabo voltando um pouco na marcação, acabo me desgastando e chego menos na frente. Mas isso depende do adversário também, tem jogos que eu posso chegar um pouco mais. Hoje a gente é uma das melhores defesas, então o trabalho está sendo bem feito", justificou.

Duelo de iguais
Aimoré e Pelotas estão separados por apenas um ponto na tabela. A equipe de São Leopoldo está no 5º lugar com 9 pontos, enquanto o Lobão é o 6º com 8 pontos. Quem vencer o duelo de segunda-feira vai dar um passo importante para confirmar a permanência na elite do futebol gaúcho.

"Temos esse jogo em casa agora, contra o Aimoré, e é de suma importância conseguir esses três pontos que nos darão uma tranquilidade maior para enfrentar esses três jogos fora de casa. Essa partida é fundamental, precisamos entrar bem ligados para conquistar a vitória diante do nosso torcedor", disse.

O Índio Capilé é um adversário bem familiar para os áureo-cerúleos. No ano passado foram seis confrontos entre Divisão de Acesso e Copa Wianey Carlet, com amplo domínio do Pelotas: quatro vitórias e dois empates.

"Do outro lado também tem jogadores que conhecem bem a competição. Enfrentei esses jogadores várias vezes e sei da capacidade deles. Mas o nosso grupo é forte, temos que nos impor em casa. Vamos respeitar a equipe deles, mas temos a obrigação de buscar esse resultado", finalizou Reinaldo Dutra.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados