Otimismo

Queda nas temperaturas movimenta o comércio

Segundo os lojistas, mudança ainda não é grande, mas aposta no Dia das Mães faz o otimismo aumentar

02 de Maio de 2022 - 19h15 Corrigir A + A -

Por: Maria da Graça Marques
graca@diariopopular.com.br 

Débora Pereira aproveitou  seu aniversário   para comprar um presente também  para o frio (Foto: Carlos Queiroz - DP)

Débora Pereira aproveitou seu aniversário para comprar um presente também para o frio (Foto: Carlos Queiroz - DP)

A queda nas temperaturas dos últimos dias trouxe pequeno movimento para o comércio pelotense. Nada de muita proporção, segundo os lojistas, que esperam que ele aumente nos próximos dias, principalmente por ser esta a semana que antecede o Dia das Mães, comemorado no domingo. Tradicionalmente, é nas vésperas das datas comemorativas que a maioria das vendas de presentes se concretizam, de acordo com os lojistas.

E é justamente a data que está levando os consumidores às compras, diz a gerente Alexandra Ferreira. Na loja de confecções femininas, ela explica que são os produtos de preços mais acessíveis os mais procurados. Como exemplo, cita as blusas básicas e os pijamas, estes com preços a partir de R$ 39,90. Expostos junto à porta de entrada, eles chamam a atenção, pelo colorido das peças.

Agasalhos mais pesados, como os casacões e as jaquetas, ainda não são muito procurados nas lojas, conta Alexandra. Mesmo assim, as vendas aumentaram a partir de sexta-feira. No Calçadão da Andrade Neves, podia ser considerado fraco o movimento de consumidores na tarde de ontem, principalmente daqueles com pacotes. A época do mês, segundo os lojstas, também não é das mais favoráveis, já que a maioria dos salários ainda não foi paga.

Motivo duplo
Estudante de Direito, Débora Pereira, moradora nas Três Vendas, conta que aproveitou o frio de ontem para escolher seu próprio presente. É que hoje ela está de aniversário e para comemorar, escolheu um moleton e uma calça novos. Satisfeita, com a ajuda da vendedora, não escondia a felicidade pela data.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados