Chocolate

Procon alerta para variação de preços nos produtos de Páscoa

Consumidor deve ficar atento, já que a variação de preços entre estabelecimentos supera os 40% em alguns produtos

06 de Abril de 2019 - 15h04 Corrigir A + A -

Por: Redação
web@diariopopular.com.br

Quanto aos ovos, observou-se uma grande variedade ofertada, por isso é importante que o consumidor realize pesquisa de preços antes de efetuar suas compras (Foto: Infocenter DP)

Quanto aos ovos, observou-se uma grande variedade ofertada, por isso é importante que o consumidor realize pesquisa de preços antes de efetuar suas compras (Foto: Infocenter DP)

Nessa semana, o Procon de Pelotas, através Serviço de Educação, realizou pesquisa dos preços de produtos para Páscoa em três estabelecimentos de revenda da cidade. O objetivo é informar os consumidores sobre a variação dos valores — que, em alguns casos, supera os 40% — e orientar a aquisição dos artigos consumidos no período. Dentre os mais de 80 itens pesquisados estão caixas de bombons, barras e ovos de chocolate.  

Ovos

Quanto aos ovos, observou-se uma grande variedade ofertada, por isso é importante que o consumidor realize pesquisa de preços antes de efetuar suas compras. Entre os ovos que vêm acompanhados de brinquedos, como canecas, porta-fotos e maleta, também foi constatada variação de preço entre os estabelecimentos. Os ovos podem variar de 45g até 356g, dependendo da marca. Observou-se que os ovos com brinquedo possuem peso menor, entre 100g e 157g e valores mais elevados. Como esses produtos tendem a atrair a atenção das crianças, é indicado não levá-las na hora da compra.  

Especiais

Para os consumidores que possuem alguma restrição alimentar existem opções de chocolates sem açúcar, sem glúten ou sem lactose. Este público deve atentar à tabela nutricional constante nas embalagens do produto.  

Dicas

*Ovos, barras e caixas de chocolate devem estar em boas condições de armazenamento, distantes de produtos de limpeza e de fontes de calor.

*O consumidor deve ficar atento às condições da embalagem e verificar se há sinais de violação ou se o produto está amassado.

*O rótulo deverá conter a identificação do fabricante, a data de validade, o peso além de informações nutricionais e a lista de ingredientes utilizados, uma vez que muitas pessoas possuem intolerância a alguns itens como açúcar e glúten.  

*Quando o ovo vem com brinquedo é necessário que a embalagem traga o selo do INMETRO e a idade indicativa para uso.

Em caso de dúvida o consumidor pode procurar informações no Procon Pelotas, que atende de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h30min, na Praça Rio Branco, 7. Telefone (53) 3305.3505.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados