Data

Presentes podem garantir mais 4,5% nas vendas

Com a abertura do comércio neste domingo, varejo peotense mostra-se mais otimista para o Dia das Crianças

09 de Outubro de 2021 - 14h12 Corrigir A + A -

Por: Maria da Graça Marques
graca@diariopopular.com.br 

Data. Aproveitando o Dia da Criança, festejado na terça-feira, o comércio pelotense abre as portas no domingo (Foto: Jô Folha - DP)

Data. Aproveitando o Dia da Criança, festejado na terça-feira, o comércio pelotense abre as portas no domingo (Foto: Jô Folha - DP)

A abertura do comércio no domingo (10), para venda principalmente de presentes para o Dia da Criança, traz maior otimismo para o varejo pelotense, que espera aumentar em 4,5% o volume de vendas, na comparação com os resultaos do ano passado, segundo levantamento feito pelo Sindicato do Comércio Varejista (Sindilojas) com diferentes lojistas.

Esta era a expectativa manifestada até sexta-feira, quando já havia movimento de compras de presentes no comércio local, porém ainda abaixo do esperado, contou o presidente do Sindilojas, Renzo Antonioli. Na hora de pagar, 49% dos clientes ainda preferiam quitar a compra à vista, ficando 27% com o crediário próprio da loja e outros 24% com o parcelamento pelo cartão de crédito.

Com tíquete médio de R$ 96,00, as compras para o Dia da Criança, comemorado na terça-feira, recaíram principalmente em brinquedos, roupas e calçados, exatamente nesta ordem, de acordo com Antonioli. “A expectativa é grande”, diz o presidente.

Para Lucimara Tuchtenhagen, proprietária de loja de brinquedos na área central da cidade, o movimento de clientes aumentou mesmo a partir de quinta-feira. “Hoje está muito bom”, disse a comerciante, ao final da tarde de sexta-feira. Mas a procura tem sido pelos presentes mais baratos - “as lembracinhas”, conta. E a maioria está preferindo presentear as crianças menores, explica também.

Lojas abrem neste domingo

Pela primeira vez após o início da pandemia da Covid-19, o comércio pelotense volta a abrir no domingo. Segundo Antonioli, a maioria deve funcionar das 10h às 18h, pagando bônus de R$ 80,00 a cada empregado que trabalhar no dia.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados