Solenidade

BB completa um século de presença em Pelotas

A agência de Pelotas foi a segunda a ser inaugurada no estado, no dia 22 de julho de 1918

12 de Julho de 2018 - 17h48 Corrigir A + A -

Por: Maria da Graça Marques
graca@diariopopular.com.br 

A Câmara de Vereadores realizou sessão solene na noite de quarta-feira (Foto: Jô Folha - DP)

A Câmara de Vereadores realizou sessão solene na noite de quarta-feira (Foto: Jô Folha - DP)

A agência Pelotas do Banco do Brasil (BB) completa 100 anos no dia 22. Foi a segunda criada no Rio Grande do Sul, precedida apenas pela de Porto Alegre, e a 29ª no Brasil, relatou o novo superintendente regional em Pelotas, João Paulo Comerlato, nesta quarta-feira (11). No começo da noite de quarta, a Câmara de Vereadores fez a sua homenagem ao centenário do BB em Pelotas.

Inaugurada em 22 de julho de 1918, a agência Pelotas foi justificada pelo potencial econômico da cidade e da região, tornando-se a primeira grande instituição financeira a fomentar o desenvolvimento da região, com foco no agronegócio. Hoje, esta carteira representa dentro da Superintendência Regional entre 60% e 70%, direta ou indiretamente, do total de mais de R$ 3,4 bilhões de ativos.

Hoje, Pelotas tem dez agências, com uma estrutura de mais de 200 colaboradores e uma carteira de 70 mil clientes, entre pessoas físicas e jurídicas. Em Pelotas desde 21 de maio deste ano, Comerlato, que foi gerente estadual de Agronegócios, substituiu Ividio Schweizer, que permaneceu por nove meses à frente da Superintendência Regional.

Comemoração no dia 24
A partir das 8h, ocorrerá nova etapa do Circuito Agro do BB, com encontro de produtores, assistências técnicas, gerentes de relacionamento, revendas e demais parceiros, para divulgação de produtos e serviços da instituição, estreitando relações entre eles.

Às 17h30min, haverá solenidade com descerramento de placa alusiva aos 100 anos do BB em Pelotas, no primeiro andar do prédio da rua Lobo da Costa, 1.315, na esquina com a General Osório, onde funciona a agência Pelotas.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados