Cultura

Cinquentenário do 20 de Novembro mobiliza ações em todo o Estado

Atividades de instituições da Sedac se unem a uma multiplicidade de eventos, virtuais e presenciais, propostos por municípios, grupos e coletivos

15 de Novembro de 2021 - 21h19 Corrigir A + A -
Dia 20 deste mês, o Brasil celebra o Dia da Consciência Negra (Foto: Divulgação)

Dia 20 deste mês, o Brasil celebra o Dia da Consciência Negra (Foto: Divulgação)

No dia 20 deste mês, o Brasil celebra o Dia da Consciência Negra, que busca exaltar a importância do povo e da cultura negra na construção do país e propor uma discussão aberta com toda a sociedade sobre o combate à discriminação e à desigualdade. Em 2021, sua potência é ainda maior: comemora-se o cinquentenário do 20 de Novembro. É por isso que o Rio Grande do Sul está mobilizado no oferecimento de diversas ações, que trazem a reflexão e o reconhecimento sobre a existência, a luta e a realidade do povo negro.

A programação, que está ativa desde maio de 2021, intensifica-se em novembro. Atividades de instituições da Secretaria da Cultura (Sedac) se unem a uma multiplicidade de eventos, virtuais e presenciais, propostos por municípios, grupos e coletivos.

“Desde o início, nossa gestão se comprometeu a valorizar todas as identidades que compõem o nosso vasto Rio Grande do Sul. O cinquentenário é mais uma oportunidade de celebrar a diversidade, pensar nos problemas complexos da sociedade e projetar um futuro menos desigual”, afirma a secretária da Cultura, Beatriz Araujo.

“A programação, que envolve as instituições da Sedac, instituições parceiras da comissão do cinquentenário e diversas prefeituras, é o resultado de todo um trabalho que vem sendo feito. É uma programação muito bonita, rica, que propõe a reflexão, o debate sobre a cultura, valorizando e dando visibilidade à população negra gaúcha, convidado a população gaúcha a trabalhar contra o racismo”, pontua a assessora de Diversidade da Sedac, Clarissa Lima.

“Já foram mais de seis meses de atividade em todo o Estado, eventos importantes que colocaram em evidência o povo negro, sua cultura, seus mais diversos afazeres pelo Rio Grande do Sul afora. Ressalto, mais uma vez, a importância de termos o Decreto do Cinquentenário do 20 de novembro, que ajudou a reforçar essa marca rio-grandense”, afirma a presidente da comissão do cinquentenário, Sandra Maciel.

Reflexão e celebração

A Orquestra Sinfônica de Porto Alegre (Ospa) é uma das instituições que preparam programação especial para a data. No dia 20, haverá um concerto com quatro solistas negros à frente da orquestra: o pianista Marcos Aragoni e os cantores Saulo Javan (baixo-barítono), Edna D'Oliveira (soprano) e Geilson Santos (tenor). A apresentação tem regência do maestro e diretor artístico da Ospa, Evandro Matté.

O Teatro de Arena apresenta o projeto Consciência no Arena. A atividade on-line apresenta vídeos com poesias da Iniciativa Afrocentrada Poetas Vivos.

O 2º Festival Cinema Negro em Ação também integra as atividades do cinquentenário. Uma realização da Sedac, por meio da Casa de Cultura Mario Quintana (CCMQ) e do Instituto Estadual de Cinema (Iecine), o festival promove obras audiovisuais produzidas por pessoas negras. A competição ocorre entre 20 e 27 de novembro e tem formato híbrido, com exibição pela TVE, por canais de assinatura, pela web e em sessões presenciais na Cinemateca Paulo Amorim (Andradas, 736 - Centro Histórico de Porto Alegre).  

Programação completa do Cinquentenário do 20 de Novembro.

Dia da Consciência Negra

Em 20 de novembro de 1695, morreu Zumbi dos Palmares, um símbolo da resistência negra no Brasil. Em 1971, a data foi apropriada como uma forma de homenagear o líder do Quilombo dos Palmares e trazer visibilidade para o passado, o presente e o futuro da população negra no país.

Em maio de 2021, o governador Eduardo Leite acolheu a demanda da militância negra gaúcha e decretou, oficialmente, o Ano do Cinquentenário do 20 de Novembro. A partir do decreto, foi criada a comissão do cinquentenário, composta por representantes da Sedac, do Conselho Estadual de Cultura e do Comitê Gestor da Política Estadual de Cultura Viva.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados