As visitações ao Cineflix devem acontecer em pequenos grupos até que todas as crianças do Vida Ativa Z-3 tenham ido ao local. (Foto: Carlos Queiroz - DP)

As visitações ao Cineflix devem acontecer em pequenos grupos até que todas as crianças do Vida Ativa Z-3 tenham ido ao local. (Foto: Carlos Queiroz - DP)

Atividade

Projeto Vida Ativa leva crianças da Z-3 ao Cineflix

Uma parceria entre a empresa e a prefeitura pelotense possibilitou a visitação

03 de Setembro de 2014 - 16h58 Corrigir A + A -
As visitações ao Cineflix devem acontecer em pequenos grupos até que todas as crianças do Vida Ativa Z-3 tenham ido ao local. (Foto: Carlos Queiroz - DP)

As visitações ao Cineflix devem acontecer em pequenos grupos até que todas as crianças do Vida Ativa Z-3 tenham ido ao local. (Foto: Carlos Queiroz - DP)

Aos 12 anos, Vitória Emanuele nunca havia pisado em uma sala de cinema. A curiosidade era companheira também em relação ao Shopping Pelotas, onde entrou pela primeira vez. Com Vitória, mais nove meninas, todas moradoras da Colônia Z-3, experimentaram praticamente a mesma sensação: a empolgação e expectativa em assistir a um filme 3D. A visita foi possibilitada através do projeto Vida Ativa, da prefeitura de Pelotas, com a empresa Cineflix.

A sessão das 14h20min desta quarta-feira (3), do cinema do Shopping, abriu as portas do filme As tartarugas ninja para as crianças de forma gratuita. A partir de uma parceria do Vida Ativa com o cinema, durante duas vezes na semana, um grupo de até dez crianças deve ser beneficiado com a visita que também não tem custos de locomoção. Os contemplados são os participantes do projeto que atua no desenvolvimento de atividades esportivas, recreativas e inclusivas em diversas localidades do município. Segundo o gerente de Esporte e Lazer da Secretaria de Educação e Desporto (Smed) e coordenador do Vida Ativa, Antônio Freitas, a ideia é proporcionar uma atividade diferente e que normalmente não faz parte da rotina dos moradores desses locais, principalmente devido a limitações econômicas. Na quarta-feira, dia com ingresso mais barato, a sessão custa R$ 10,00.

Mesmo que para Vitória o gênero do filme em exibição não tenha sido um dos seus favoritos, apenas o deslocamento até o local já foi motivo de satisfação. A fã dos longas de terror contou que a experiência de conhecer o cinema e sentir o clima das salas de projeção a surpreendeu. Além de ter a oportunidade de vivenciar o efeito 3D, que chamou a atenção dos visitantes. Para a outra Vitória do grupo, a Macedo, o sentimento foi parecido. Apesar de já conhecer o Shopping, a jovem ainda não havia entrado no cinema e estava ansiosa pelo início da sessão. Assim, em clima de novidade, as meninas na faixa etária de dez a 13 anos se apressaram para garantir um bom lugar dentro da sala.

A divisão em pequenos grupos veio para viabilizar uma ida mais organizada até o local. Tendo as crianças atendidas na Z-3 como parte deste projeto-piloto, outros pontos de atuação do Vida Ativa também devem fazer parte das atividades conforme o fortalecimento da parceria.

Vida Ativa
Em atividade desde março de 2014, o projeto Vida Ativa atende duas mil pessoas em condições de vulnerabilidade social em Pelotas. São 30 núcleos que desenvolvem ações com as famílias carentes pertencentes. Para as crianças, há torneios de futebol e grupos de capoeira, por exemplo. Com o intuito de possibilitar a inclusão destes, Antônio Freitas reforça que atividades como a ida ao cinema de forma gratuita são essenciais para quem não tem condições financeiras. O deslocamento até o local, os ingressos e a alimentação de uma família de três ou quatro pessoas para assistir a um filme pesa no orçamento de quem conta com pouco.

As visitações ao Cineflix devem acontecer em pequenos grupos até que todas as crianças do Vida Ativa Z-3 tenham ido ao local.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados