Discussão

Transformação da UBS Cohab Lindóia em UBAI terá debate com moradores, diz SMS

Secretária de Saúde foi ouvida pela Comissão de Saúde da Câmara de Vereadores na manhã desta quarta (28)

28 de Fevereiro de 2018 - 16h23 Corrigir A + A -

Por: Redação
web@diariopopular.com.br

Secretária de Saúde Ana Costa diz que avaliará todas as possibilidades (Foto: Álvaro Guimarães).

Secretária de Saúde Ana Costa diz que avaliará todas as possibilidades (Foto: Álvaro Guimarães).

A Comissão de Saúde da Câmara de Vereadores reuniu na manhã desta quarta (28) a secretária de Saúde, Ana Costa, e moradores da Cohab Lindóia para discutir a situação da Unidade Básica de Saúde (UBS) do bairro. A prefeitura tem um projeto de transformar o atual posto em uma Unidade Básica de Atendimento Imediato (UBAI) nos moldes da existente no Navegantes, em Pelotas.

Como a alteração do status da UBS significa mudanças no perfil de funcionamento, deixando de atender pacientes com consultas periódicas, retirada de receitas ou marcação de exames e passando a atender toda a cidade em casos de urgência e emergência, quem vive na região têm dúvidas sobre onde passarão a receber atendimento básico.

“Com essa transformação vai ficar muito mais difícil conseguir uma consulta”, diz a dona de casa Valquíria da Silva Alves, 31. Moradora da vila Peres e mãe de três garotos com idades entre 16 e dez anos, ela comenta que nem sempre é possível conseguir ficha para consulta na unidade. “E quando for UBAI e atender toda a cidade a tendência é de complicar mais ainda”, pondera.

Conforme Ana Costa, a UBS não será transformada imediatamente em UBAI, sem discussão com toda a comunidade. “Hoje estamos antecipando a ida de médicos plantonistas da UBAI para a Lindóia para melhor atender a comunidade do bairro. Este é o estágio que estamos e todos os passos a seguir serão debatidos com todos”, disse.

Durante a reunião a secretária não descartou alterações no projeto, inclusive com a UBAI Cohab Lindóia podendo ter um caráter misto, mantendo a característica de UBS. “Vamos avaliar todas as possibilidades”, disse.

Mais debates
Para aproximar o assunto da comunidade, a Comissão de Saúde da Câmara de Vereadores promoverá uma reunião extraordinária no salão comunitário do Lindóia no dia 14 de março, às 19h30min. “A secretária prestou boas informações à comunidade e está aberta ao diálogo. Então vamos possibilitar que mais moradores do bairro possam participar dessa discussão que interessa a todos”, explica o presidente da Comissão de Saúde, Marcos Ferreira, o Marcola (PT).

Além dos vereadores e da secretária de Saúde, representantes do Conselho Municipal de Saúde também deverão ser convidados para a reunião.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados