Última chance

Quita Fácil prorrogado para final de março

A Caixa prorrogou até 31 de março o prazo para que clientes pessoas físicas e jurídicas negociem suas dívidas com descontos de até 90%

20 de Fevereiro de 2018 - 10h03 Corrigir A + A -

Por: Maria da Graça Marques
graca@diariopopular.com.br 

Em comparação com o movimento do final do ano, o momento não está tão bom, avalia a gerente na Superintendência Regional Extremo Sul da Caixa Econômica Federal, Léslie Timm, que acompanha o andamento da campanha Quita Fácil nos municípios da região. A Caixa prorrogou até 31 de março o prazo para que clientes pessoas físicas e jurídicas negociem suas dívidas com descontos de até 90% sobre o valor original da dívida para pagamento à vista.

No âmbito da Extremo Sul, mais de 15 mil clientes ainda podem se valer da campanha. Até agora, mais de R$ 12 milhões de créditos em atraso foram revertidos para a Caixa na Extremo Sul, contabilizando desconto médio de 77% sobre a soma das dívidas iniciais. Em nível nacional, já foram regularizados contratos de mais de 467 mil clientes pessoa física e de 67 mil clientes pessoa jurídica. A meta nacional é alcançar 2,5 milhões de pessoas físicas e 150 mil de pessoas jurídicas.

Explicou Léslie que os clientes receberam um e-mail falando sobre a campanha Quita Fácil e as vantagens que ela oferece para quitar dívidas em atraso. A campanha permite ao cliente criar uma nova organização de sua vida financeira, diz o superintendente da Extremo Sul, Marcos Tavaniello.

Como aderir?
Os clientes podem procurar qualquer agência da Caixa, buscar atendimento pelo site negociardividas.caixa.gov.br ou pelo e-mail SR4172RS14@caixa.gov.br ou recorrer ao telefone 0800 726 8068 opção 8.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados