Trânsito

PRF divulga o saldo da Operação Iemanjá/Navegantes nas rodovias da Zona Sul

Foram apenas três acidentes, nenhum com morte; para chefe da delegacia na região, números foram "extremamente positivos"

06 de Fevereiro de 2017 - 12h02 Corrigir A + A -

Por: Redação
web@diariopopular.com.br

Agente da PRF patrulha a BR-392, entre Pelotas e o Rio Grande, com radar fotográfico durante a Operação Iemanjá/Navegantes, realizada de 1º a 5 deste mês nas rodovias federais da Zona Sul do Estado; número de acidentes foi quatro vezes menor em relação ao ano passado (Foto: Divulgação - DP)

Agente da PRF patrulha a BR-392, entre Pelotas e o Rio Grande, com radar fotográfico durante a Operação Iemanjá/Navegantes, realizada de 1º a 5 deste mês nas rodovias federais da Zona Sul do Estado; número de acidentes foi quatro vezes menor em relação ao ano passado (Foto: Divulgação - DP)

Veículo é flagrado a 159 quilômetros por hora durante a Operação Iemanjá/Navegantes, realizada de 1º a 5 deste mês nas rodovias da Zona Sul do Estado (Foto: Divulgação - DP)

Veículo é flagrado a 159 quilômetros por hora durante a Operação Iemanjá/Navegantes, realizada de 1º a 5 deste mês nas rodovias da Zona Sul do Estado (Foto: Divulgação - DP)

Não foi pequeno o saldo de infrações no trânsito flagrado pelo efetivo da Polícia Rodoviária Federal (PRF) que atuou na Operação Iemanjá/Navegantes entre os dias 1º a 5 deste mês nas rodovias federais da Zona Sul do Estado. Os números foram divulgados na manhã desta segunda-feira (6), por WhatsApp, pela corporação.

Nesses cinco dias foram fiscalizados 1.125 veículos e 1.302 pessoas. A campeã de infrações foi excesso de velocidade. Pelo radar fotográfico da PRF foram flagrados nada menos que 1.240 veículos nesta condição. De acordo com a corporação, todos os proprietários serão multados. Dos 298 autos de infração aplicados, 16 foram por ultrapassagens indevidas e sete por embriaguez ao volante do total de 596 testes de alcoolemia realizados nos cinco dias de Operação.

Durante os serviços de fiscalização foram recolhidos ao depósito 17 veículos, apreendidas cinco carteiras de habilitação e 13 documentos de licenciamento e registro (CRLV). Um veículo que constava como furtado foi recuperado e dez pessoas foram detidas por embriaguez, consumo/porte de drogas, crimes de trânsito, contrabando/descaminho.

Menos acidentes
A presença ostensiva dos agentes na rodovia resultou também em número reduzido de acidentes, nenhum deles com óbito. Foram apenas três nas rodovias federais da região com cinco feridos durante todo o período. Ano passado foram 12, com 14 feridos. "Os números obtidos foram extremamente positivos, uma vez que não foram registrados acidentes com gravidade - o empenho em reduzir acidentes tem como consequência salvar vidas, este é o nosso principal objetivo", disse o chefe da delegacia da PRF na região, Fabiano Goia.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados