Homicídios

Idoso e adolescente são mortos a tiros em Pelotas

No primeiro caso, homem de 61 anos estava sentado em frente de casa quando foi alvejado; no segundo, jovem chegou a ser socorrido mas não resistiu

10 de Janeiro de 2017 - 08h10 0 comentário(s) Corrigir A + A -

Por: Redação
web@diariopopular.com.br

Duas pessoas foram assassinadas na noite da última segunda-feira em Pelotas. Os crimes ocorreram no bairro Três Vendas com intervalo de uma hora entre eles. As vítimas são um idoso de 61 anos e um adolescente de 17 mortos a tiros. A Delegacia de Homicídios e Desaparecidos (DHD) apura se há relação entre as execuções.

Suspeitos e motivações também estão sendo apuradas pelos agentes da Especializada.
A primeira vítima foi atacada por volta das 22h. Segundo a polícia, Ari Weege, 61, estava sentado em frente de casa, na avenida Ildefonso Simões Lopes, no loteamento Sanga Funda, quando um carro passou e de dentro dele os ocupantes efetuaram os disparos em direção ao idoso. Weege foi atingido por dois tiros no peito e morreu na hora.

Mais tarde, por volta das 23h, o segundo caso. O alvo, um adolescente de 17 anos. Gleison Moreira dos Santos foi atingido por um tiro na região do abdômen na avenida Leopoldo Brod, no lotemanto Getúlio Vargas. O menor chegou a ser levado ao Pronto-Socorro (PSP), onde foi encaminhado ao bloco cirúrgico, mas não resistiu aos ferimentos e morreu durante a madrugada de terça-feira.

Com as execuções, Pelotas contabiliza três homicídios nos primeiros nove dias do ano. Em 2016, a cidade registrou o terceiro assassinato no 11º dia de janeiro.

Esfaqueado
Um homem foi esfaqueado no braço, na noite de segunda-feira, no Porto. A vítima caminhava pela via pública quando teria sido atacada por duas pessoas. A Polícia Civil investiga o caso.


Comentários


  • Não há comentários, seja o primeiro a comentar!


Diário Popular - Todos os direitos reservados