Desarticulados

Três pessoas são presas por estelionato no Cassino

Ação da DPCA desmantelou a quadrilha que aplicava o golpe do bilhete premiado na região

12 de Setembro de 2017 - 12h24 Corrigir A + A -

Por: Giulliane Viêgas
giulliane.viegas@diariopopular.com.br

Os suspeitos foram flagrados em dois veículos quando dirigiam-se para a cidade de Rio Grande (Foto: Divulgação - DP)

Os suspeitos foram flagrados em dois veículos quando dirigiam-se para a cidade de Rio Grande (Foto: Divulgação - DP)

Três pessoas foram presas por agentes da Delegacia de Polícia da Criança e do Adolescente (DPCA) de Rio Grande pelo crime de estelionato na praia do Cassino. A ação, que contou com apoio de policiais da Delegacia de Polícia Regional de Rio Grande, tinha por objetivo desmantelar uma quadrilha que aplicava o “golpe do bilhete premiado” no Estado do Rio Grande do Sul. Os homens foram presos em flagrante, dois veículos, dinheiro, celulares, cartões de crédito e bilhetes premiados falsos foram apreendidos.

Segundo o delegado Roberto Sahagoff a investigação teve início para apurar crimes de estelionato praticados com o chamado “golpe do bilhete premiado” na região de Pelotas e Rio Grande. “Em Rio Grande, uma senhora chegou a ser lesada em 70 mil Reais. Nesta tarde, em Pelotas, outra pessoa foi vítima do grupo criminoso no montante de 9 mil Reais", conta Sahagoff.

Os suspeitos foram flagrados em dois veículos quando dirigiam-se para a cidade de Rio Grande. “Com eles foram apreendidos seis aparelhos de celular, três bilhetes premiados falsos, três cartões de crédito, dois veículos utilizados para a prática dos crimes, e quase 9 mil Reais em dinheiro”, acrescenta o delegado.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados